LEIA TAMBÉM:
  • Font size:
  • Decrease
  • Reset
  • Increase

Ame o que faz uma ova!

Até que ponto devemos motivar os jovens a buscar somente aquilo de que gostam na vida profissional?

"O que é sucesso? Acho que é uma combinação entre ter talento para a coisa que se está fazendo e, sabendo que isso não é suficiente, trabalhar duro e com senso de propósito." Margaret Thatcher, ex-primeira-ministra da Grã-Bretanha (1979 a 1990)

Nós estamos prestando um enorme desserviço a nossos filhos, martelando em suas cabeças que eles só devem “fazer aquilo pelo que tenham paixão”, que “se amarem o que fazem o sucesso é garantido”, etc.

Além de gerar expectativas irrealistas, estamos deixando nossos filhos paralisados porque eles não conseguem descobrir esse “trabalho ideal”. Sentem-se culpados por não serem “suficientemente apaixonados” por nenhuma profissão.

No easy game — Suponha que Júnior seja tão apaixonado por jogar video-games que ele tem certeza de que terá muito sucesso se perseguir uma carreira em que jogue video-games para viver.

Suponha que, para grande alegria de Júnior, Papai consegue para ele um estágio de… “piloto de provas” (‘beta-tester’) de games! Quanto tempo você acha que durará a felicidade de Júnior?

Lá pelo segundo ou terceiro jogo para meninas, cuja totalidade de “corredores” e níveis Júnior tenha que testar exaustivamente, uma grande frustração se abaterá sobre nosso herói ao descobrir que mesmo o trabalho dos sonhos envolve atividades e obrigações desagradáveis. O prazer do trabalho não é o mesmo prazer do hobby. Mas é um tipo de prazer.

Lencioni já havia dito isso — Em março de 2009, quando ficou claro que a recessão americana seria longa e profunda, nosso über-guru Patrick Lencioni escreveu sobre a redescoberta do valor do trabalho, principalmente para os jovens. Vale muito a pena a leitura na íntegra do ponto de vista (http://www.tablegroup.com/pat/povs/pov/?id=27), mas destacamos um trecho aqui:

"Há pessoas habilidosas que tiveram sorte o suficiente para encontrar um desses empregos bacanas, mas se desapontaram ao perceber que desenhar montanhas-russas, escrever livros e construir foguetes não era bem aquela festa que esperavam, e que uma carreira gratificante não é a resposta para todos os problemas da vida. Mesmo estrelas de rock, executivos do mundo da publicidade e designers de moda experimentam aborrecidas tarefas de trabalho, assim como caixas de banco, encanadores e balconistas de lojas. Eles apenas se sentem pior em relação a isso porque não esperam que seu trabalho se transforme em... trabalho."

Love this — Poucas, pouquíssimas, pessoas têm uma paixão tão intensa — especialmente na juventude — que compense os inevitáveis dissabores do dia a dia de trabalho.

Fazer aquilo pelo que se tem paixão é um privilégio conquistado. É algo em cuja direção, com muita sorte e esforço, você pode vir a dirigir sua vida após, digamos, a crise da meia-idade ou uma certa independência financeira.

Para o jovem, o prazer do primeiro trabalho é a novidade, o ingresso em um universo social novo — o tornar-se adulto. Não só isso, mas o prazer de receber uma remuneração por seu trabalho, de ir conquistando independência financeira e tudo de bom que isso traz: liberdade, autonomia, propriedade de seu espaço, autoestima.

Henry Kissinger (secretário de Estado dos Estados Unidos entre 1973 e 1977) disse que o poder é o maior afrodisíaco. Talvez o segundo maior seja o trabalho.

* Mauro Mello ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ) e Fernanda Gomes ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ), autores deste texto, são consultores da Table Partners (http://www.tablepartners.com.br).

Comente este texto pelas redes sociais abaixo ou escreva para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Personalizar HTML 2

Este espaço é destinado a um pequeno chamado ou anuncio, a edição deste anuncio é encontrado no Gerenciamento de Módulo, pode ser colocado aqui um link para uma pagina Interna ou Externa.

Personalizar HTML 3

Este espaço é destinado a um pequeno chamado ou anuncio, a edição deste anuncio é encontrado no Gerenciamento de Módulo, pode ser colocado aqui um link para uma pagina Interna ou Externa.

Contato

Entre em contato com nossa redação. Sugira, comente, reclame. Envie temas que você considera úteis no dia a dia de um universitário. O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Style Setting

Fonts

Layouts

Direction

Template Widths

px  %

px  %